Agro Olhar

Sábado, 24 de junho de 2017

Notícias / Emprego

Em meio a crise, profissão de corretor de imóveis cresce 30% em Mato Grosso

Da Redação - Lázaro Thor Borges

01 Jun 2017 - 10:11

Em meio a crise, profissão de corretor de imóveis cresce 30% em Mato Grosso
Os últimos três anos não foram os melhores para quem atua no mercado de trabalho brasileiro. O país já soma 14,2 milhões de desempregados, conforme o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE) mas, mesmo em época de crise econômica, uma profissão tem ganhado destaque e crescido em todo o Brasil: a de corretores de imóveis.

Leia mais:
Incorporadora registra recorde de vendas com o Brasil Beach e destaca a atuação de corretores de imóveis


Em Mato Grosso, cerca de 5.400 pessoas atuam no mercado de corretagem. Desse total, 50% (2.700) trabalham na capital. Nos últimos 3 anos, o número de inscritos no Conselho Regional de Corretor de Imóveis de Mato Grosso (CRECI), 19ª Região, condição essencial para atuar no mercado, cresceu 30%.

"Nossa profissão acolhe gente que perdeu espaço no mercado de trabalho. Nosso nicho de mercado é amplo, com muitas oportunidades e altamente rentável aos que a ela se dedicam", afirma o presidente do CRECI-MT, Benedito Odário.

Formação – Para ser um corretor de imóveis é necessário passar por cursos de formação para, só depois, ser habilitado pelo Creci para exercer a profissão.  Hoje, o mercado oferece cursos técnicos de transações imobiliárias. Só em Cuiabá, seis instituições oferecem a formação que, em média, dura sete meses. O profissional também pode ser um tecnólogo na área.

Com status de curso superior, os cursos tecnológicos duram dois anos. Há ainda a possibilidade de buscar outras especializações como o de perito imobiliário e avaliação imobiliária. "São cursos que agregam ao profissional, aumentando seu leque de atuação", explica o presidente do Creci.

Mercado

Bernardo Bonilha, diretor comercial da Incorporadora Chilena BC Genera, responsável pelo Brasil Beach Home Resort, confirma o bom desempenho de produtos como o condomínio construído em Cuiabá pela empresa.

"O primeiro trimestre de 2017 foi o melhor em vendas para o Brasil Beach Home Resort, condição que foi evidenciada pela tendência de busca dos consumidores por projetos diferenciados e custo benefício atraente. Temos superado recordes de vendas. Batemos todas as nossas metas mais altas", comemora Bonilha.

Para além da alta qualidade oferecida pelo empreendimento, Bonilha credita também o sucesso de vendas ao empenho dos corretores. "Temos um pool de corretores altamente qualificados e prontos para dar qualquer informação sobre tudo que o Brasil Beach oferece. Por isso apostamos nos melhores profissionais", garante.

O bom desempenho do empreendimento para moradia chamou a atenção dos investidores mato-grossenses que perceberam nele uma excelente opção para diversificação da carteira.

"A região onde o imóvel está localizado é uma das que mais se desenvolveu nos últimos 15 anos em Cuiabá. Prova disso é que a rodovia, onde está localizado, está sendo duplicada, o que reforça e comprova que temos uma opção diferenciada de investimento com alto potencial de valorização", destaca o diretor comercial da Incorporadora BC Genera.

Brasil Beach

O condomínio está em fase de conclusão da segunda torre. Localizado na rodovia Hélder Cândia em Cuiabá, é o único no país a oferecer uma lagoa de águas cristalinas com praia artificial de 32.000 m2, ideal para a prática de esportes aquáticos, como vela, caiaque, windsurfe, stand up paddle, pedalinhos, mergulho, entre outros.

O empreendimento  possui tecnologia Crystal Lagoons que garante o uso sustentável da água que é monitorada por um sistema de filtragem constante. São ofertadas ainda outras opções de lazer, como espaço fitness, Club House à beira da praia, espaço gourmet, quatro quadras de tênis em saibro, além de duas quadras poliesportivas, dois campos de futebol society e 1.100 metros de pista de caminhada ao redor da praia.

O condomínio também oferece itens de relaxamento na área de uso comum, como SPA com ducha, ambiente para massagem, hidromassagem e sauna. Tudo isso com preço de condomínio incrivelmente baixo por conta da tecnologia de última geração que permite diminuir muito os custos de operação. Os apartamentos vão de 88 a 155 metros quadrados, com até três suítes.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agro Olhar. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agro Olhar poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Sitevip Internet