Agro Olhar

Sábado, 24 de junho de 2017

Notícias / Energia

Com investimento de R$ 10 milhões, linhão de energia em Juína entra em operação

Da Redação - Viviane Petroli

12 Abr 2017 - 10:13

Foto: Energisa

Com investimento de R$ 10 milhões, linhão de energia em Juína entra em operação
Com investimentos na ordem de R$ 10 milhões, a segunda linha de distribuição de alta tensão de Juína entrou em operação no último dia 07 de abril. O linhão tem 16,8 quilômetros de extensão e tem como objetivo reforçar a distribuição de energia na região.

Leia mais:
Mais de 300 ligações irregulares de energia são encontradas em seis cidades de Mato Grosso
 
A linha de distribuição de alta tensão de 138 kV, explica a Energisa Mato Grosso, sai da subestação de Juína da Rede Básica da Empresa Brasileira de Transmissão de Energia (EBTE) para atender a subestação de distribuição (da Energisa) de Juína.
 
A construção da linha havia sido embargada em 2012 pelo Ministério Público Estadual e retomada em outubro de 2016, após a assinatura de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC).
 
Segundo a Energisa, é mais um ponto de suprimento de energia para municípios como Juara, Brasnorte, Sapezal, Campos de Júlio, entre outros.
 
"O aumento na disponibilidade de energia terá significantes impactos sociais e econômicos, como a geração de novos empregos e o suporte às ligações para serem feitas durante o programa de universalização", pontua o diretor-presidente da Energisa Mato Grosso, Riberto José Barbanera.
 
A Energisa explica que com dois pontos de suprimento as equipes de campo da distribuidora terão mais possibilidade para fazer manobras, resultado desta maneira uma redução na quantidade de vezes em que a população na região fica sem energia.
 
A Energisa revela ter priorizado estradas já existentes e áreas cultivadas, com intuito de minimizar os impactos na vegetação. Nas propriedades por onde a linha passa, foram instituídas faixas de servidão administrativas, espaços que possibilitam que as equipes da Energisa Mato Grosso tenham acesso à linha para construção, manutenção e inspeção.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agro Olhar. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agro Olhar poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Sitevip Internet