Agro Olhar

Sábado, 24 de junho de 2017

Notícias / Emprego

Mato-grossenses têm R$ 110,3 milhões em PIS ano-base 2015 para sacar; veja como fazer

Da Redação - Viviane Petroli

30 Jan 2017 - 11:01

Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

Mato-grossenses têm R$ 110,3 milhões em PIS ano-base 2015 para sacar; veja como fazer
Mato Grosso conta com 371.959 beneficiados para sacar o PIS/Pasep ano-base 2015, que juntos significam R$ 110,3 milhões a serem pago. Segundo o Ministério do Trabalho, 45,44% dos beneficiados já resgataram o abono. Os trabalhadores terão até 30 de junho de 2017, independentemente da data de aniversário, para retirarem o benefício.

O Abono Salarial do PIS/Pasep ano-base 2015 começou a ser pago em julho do ano passado. Os próximos a sacarem são os nascidos em março e abril e com final de inscrição 6 e 7, que deverão procurar uma agência bancária a partir de 16 de fevereiro.

Leia mais:
PIS/Pasep ano-base 2015 começa a ser pago para nascidos em janeiro e fevereiro

O valor do benefício tem como base o salário mínimo vigente de R$ 937, porém é proporcional ao período trabalhado em 2015.

De acordo com o Ministério do Trabalho, restam em Mato Grosso 202.949 beneficiados a sacarem o abono. Em janeiro foi liberado o saque do benefício para aqueles que fazem aniversário em janeiro e fevereiro.

No Brasil são 24.243.044 beneficiados com o PIS/Pasep ano-base 2015, que deverão sacar ao todo R$ 7,625 bilhões.

O Ministério ressalta que o Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat) estabeleceu um calendário com as datas de início dos saques, de acordo com o mês do aniversário dos trabalhadores vinculados ao PIS e o número final da inscrição dos servidores públicos no Pasep.

Tem direito ao PIS/Pasep ano-base 2015 aqueles que trabalharam com carteira assinada por pelo menos um mês naquele ano com remuneração média de até dois salários mínimos.

Para obter o benefício é preciso ainda, segundo o Ministério do Trabalho, que o trabalhador esteja inscrito no PIS/PASEP há pelo menos cinco anos e que a empresa ao qual trabalha tenha informado seus dados corretamente na Relação Anual de Informação Social (RAIS).

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agro Olhar. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agro Olhar poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Sitevip Internet