Agro Olhar

Sábado, 24 de junho de 2017

Notícias / Emprego

IBGE abre período para devolução de inscrição da seleção do Censo Agro; edital cancelado antes das provas

Da Redação - Viviane Petroli

26 Dez 2016 - 08:55

Foto: Reprodução/Internet/Ilustração

IBGE abre período para devolução de inscrição da seleção do Censo Agro; edital cancelado antes das provas
O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) abriu nesta segunda-feira, 26 de fevereiro, novo prazo para os candidatos do Censo Agropecuário (edital nº 01/2016) requererem a devolução do valor referente à taxa de inscrição para o concurso. O processo seletivo para contratação de temporários foi cancelado no início deste ano antes mesmo da realização das provas. Segundo o Instituto, os candidatos possuem até 09 de janeiro de 2017 para efetuar o saque em qualquer agência do Banco do Brasil.

O processo seletivo de trabalhadores temporários do Censo Agropecuário era para as funções de analista censitário, agente censitário administrativo e agente censitário regional.

De acordo com o IBGE, um novo período para solicitar a devolução da taxa de inscrição foi aberto tendo-se em vista que parte dos candidatos não a requisitaram nos três momentos anteriores ocorridos entre 01 e 14 de junho, 01 e 14 de julho, e 01 e 12 de agosto.

Leia mais:
Governo federal autoriza IBGE a contratar mais de 7 mil profissionais

O IBGE salienta que o ressarcimento é para aqueles que se inscreveram no processo seletivo para o Censo Agropecuário (Edital nº 01/2016), pagou a inscrição e ainda não recebeu o valor pago.

Para efetuar o saque da taxa de inscrição o candidato deverá comparecer a qualquer agência do Banco do Brasil munido de identidade e CPF originais. O valor ficará disponível apenas no período indicado.

O IBGE pontua ainda que caso o atendente do banco não saiba informar sobre o assunto, o candidato deverá procurar alguém da Equipe de Atendimento ao Cliente da agência. Além disso, se houver problemas para o recebimento, deverá ser enviada uma mensagem para censoagro@ibge.gov.br explicando o ocorrido.

O edital

O Processo Seletivo Simplificado (Edital nº 01/2016) foi publicado no Diário Oficial da União (DOU) do dia 21 de janeiro de 2016. Eram ofertadas 1.409 vagas temporárias para a realização do Censo Agropecuário 2016.

Das 1.409 vagas, 223 eram para Analista Censitário, distribuídas nas capitais dos 26 estados e no Distrito Federal; 700 para Agente Censitário Administrativo, distribuídas nas capitais dos 26 estados e no Distrito Federal; e 486 vagas para Agente Censitário Regional, em 459 municípios de 24 estados.

As inscrições variavam de R$ 120,00 para a função de Analista Censitário; R$ 35,00 para a função de Agente Censitário Administrativo e R$ 50,00 para a função de Agente Censitário Regional.

Conforme o IBGE, quando da divulgação do edital em janeiro, as vagas de Analista Censitário requeriam nível superior em diversas áreas, com retribuição de R$ 7.166,00. Já os cargos de Agente Censitário Administrativo e Agente Censitário Regional eram nível médio, com retribuições de R$ 1.560,00 e R$ 3.000,00, respectivamente.

O contrato tinha previsão de duração de até 31 meses para o Analista Censitário; 22 meses para o Agente Censitário Administrativo; e 16 meses para o Agente Censitário Regional.

As provas estavam previstas para ocorrer no dia 22 de maio.

Em 18 de abril, por meio de nota (veja aqui), o IBGE comunicou o cancelamento do processo seletivo para a contratação de temporários para o Censo Agropecuário em decorrência a cortes no orçamento, fato este que inviabilizou a realização do concurso.

0 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agro Olhar. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agro Olhar poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

Sitevip Internet