Agro Olhar

Sábado, 24 de junho de 2017

Notícias / Energia

Horário de verão começa no próximo dia 16 de outubro; ponteiros ser adiantados em uma hora

Da Redação - Viviane Petroli

27 Set 2016 - 07:23

Foto: Rogério Florentino Pereira/Olhar Direto

Horário de verão começa no próximo dia 16 de outubro; ponteiros ser adiantados em uma hora
O horário de verão 2016/2017 começa à meia-noite do dia 16 de outubro. Os ponteiros dos relógios terão de ser adiantados em 1 hora. O objetivo do período, determinado pelo Governo Federal, é a redução do consumo de energia elétrica durante o horário de pico das 18h às 21h.

O horário de verão 2016/2017 seguirá até à zero hora do dia 19 de fevereiro de 2017, quando os relógios deverão ser atrasados em 1 hora.

Leia mais:
Mato Grosso tem redução de 4,64% na demanda por energia durante horário de verão

Mato Grosso registrou uma redução de 4,64% na demanda por energia elétrica no horário de ponta (18h às 21h) durante o horário de verão 2015/2016. O desempenho foi inferior aos 4,81% constatados em no período 2014/2015. Os números são da concessionária Energisa.

Analise feita pelo Departamento de Operação da Energia Mato Grosso revelou na ocasião do Horário de Verão 2015/2016 uma queda na demanda de 52,82 megawatts (MW) no horário de pico. Em termos de redução de consumo Mato Grosso registrou recuo de 0,85% na edição passada do horário de verão, o equivalente a uma economia de 27.475,32 megawatts-hora (MWh). Tal economia de consumo, de acordo com a Energisa, é suficiente para atender um município do porte de Primavera do Leste, por exemplo, por dois meses ou Chapada dos Guimarães por dez meses.

Além de Mato Grosso, o horário diferenciado vale para os estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, além do Distrito Federal.

4 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agro Olhar. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agro Olhar poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • kayo
    28 Set 2016 às 10:34

    A economia pecuniária é negativa. As pessoas fazem seus serviços sonolentas, desatentas, e o número de erros e acidentes aumenta. Os desencontros de horario entre Acre e Rondonia e os grandes centros aumentam os custos e geram prejuizos para as empresas. A economia, de modo geral, é negativa.

  • fernando durval nunes correioa
    27 Set 2016 às 16:18

    vamos enconomisar eleticidade em sp

  • fernando durval nuens coirreia
    27 Set 2016 às 16:16

    como vai cer a enconomia de eletecidade quantos biloes 2052-1865

  • juvencio vitor
    27 Set 2016 às 13:39

    acho inútil esse horário pra mato grosso já que chegando mais cedo em casa o sol ainda vai estar presente gerando ainda muito calor então vamos logo ligar ventiladores e ar condicionados também mais cedo gerando um consumo maior para as pessoas e aumento da conta de energia

Sitevip Internet